Esporte Inspiração Voluntariado

Professor desempregado dá aulas de reforço escolar e futebol para crianças carentes no Universidade

Por Joice Batista
Crianças e adolescentes de baixa
renda do bairro Universidade são auxiliados por um projeto que disponibiliza
aulas gratuitas de reforço escolar. A iniciativa é do professor Ivanildo dos
Santos Santana, de 56 anos, que decidiu que as adversidades não iam barrar sua
boa vontade em fazer a diferença no mundo.
Todas as terças e quintas-feiras,
por volta das 18h, Ivanildo transforma a sala de sua casa em uma sala de aula e
recebe cerca de 20 crianças e adolescentes, com idades entre 7 e 17 anos, que
por conta do espaço limitado, são divididos em duas turmas. Mesmo com
dificuldades na escola, a maioria delas não teria como pagar aulas particulares
e foi justamente por isso que o projeto começou.
Aulas gratuitas
No início de 2017, Ivanildo decidiu
que iria dar aulas de reforço para complementar sua renda, pois está
desempregado e vivendo de trabalhos temporários, mas os planos mudaram quando
ele se deparou com a realidade do lugar onde vive.
“Inicialmente, esse reforço seria
para meu sustento, para completar minha renda, mas nosso povo aqui é muito
carente e eu como tenho coração mole, liberei as aulas para serem ‘0800’. A
questão do dinheiro é uma questão totalmente diferente, porque é para a nossa
sobrevivência, mas poder contribuir, com a educação e o aprendizado de alguém
para mim tem muito mais valor”, conta o professor.
E o valor que Ivanildo buscava,
começou a aparecer, pois as aulas já refletem na vida escolar dos pequenos. “Ele
ensina várias coisas que eu ainda vou ter na escola. Às vezes quando a gente
chega lá, já sabe o que a professora está passando”, contou Lauriane de Souza,
de 9 anos. “Quando tem prova na escola para mim, eu já sei e já é até mais
fácil”, contou Vanderley Dias, de 13 anos.
Todo esse conhecimento passado às
crianças foi adquirido há alguns anos, no Instituto de Educação do Pará, onde o
Ivanildo se tornou professor do ensino que conhecemos hoje como Ensino
Fundamental I (do 1º ao 5º ano). Todo o restante é mantido de forma
independente, através da ajuda de parceiros.
Parcerias
O quadro, as mesas e as cadeiras
foram doados por uma amiga de Ivanildo quando o projeto nasceu. E para auxiliar
nas aulas, o professor utiliza os livros que ficam à disposição da comunidade,
no projeto “Ler é Paidégua” (que a gente já contou a história nesse link aqui https://www.bemtucuju.com/2018/07/no-universidade-moradores-podem-ler.html )
Tem mais!
Tá achando que só as aulas de
reforço são o suficiente para o professor Ivanildo? Ele ainda sustenta outro
projeto social, a Escolinha De Futebol Água da Vida. Todos os sábados, das 8h
às 12h, ele oferta o ensino e a prática do futebol para crianças de seu bairro,
muitos já atendidos pelas aulas de reforço.
A escolinha também é mantida com doações,
como os uniformes e as bolas, que foram doados por outra escolinha de futebol
que fica em Santana. Já o treino acontece em um campo cedido em um residencial
no mesmo bairro.
O objetivo desse educador é reduzir
o tempo que as crianças ficam nas ruas, onde estão expostas a todo tipo de
risco. “A criança e o jovem das baixadas, das pontes, chegam da escola e ficam boa
parte do tempo na rua. É bom se divertir, ter seu lazer, mas às vezes entram
coisas que não são boas para eles, como a abordagem de pessoas que trabalham
com drogas. Então, nosso trabalho também combate isso”, finaliza Ivanildo.
Ajuda
Tanto as aulas de reforço quanto
a escolinha de futebol são abertas às doações, pois os materiais didáticos e
esportivos se desgastam rápido e precisam ser substituídos. Os interessados em
ajudar Ivanildo Santana e as crianças e adolescentes do bairro Universidade,
podem entrar em contato através do telefone (96) 99121-7443 ou visitar o
projeto na Travessa Joaquim Nabuco, mais conhecida como Ponte do Bacuri, nº
1065.
error: Conteúdo Protegido!!